loading...

Violei mais de 200 mulheres no Iraque

Dois membros do proclamado estado islâmico detidos em Kirkuk, no Iraque, fizeram o relatos das atrocidades que cometeram nos últimos anos.

Apesar de não poderem confirmar a veracidade da informação, as autoridades iraquianas acreditam que não andam longe da verdade. Um jornalista da Reuters falou com os dois terroristas: amar hussein, de 22 anos e ghaffar abdel rahman, de 31.




O primeiro contou que matou 500 pessoas e violou 200 mulheres. O segundo diz que tirou a vida a, pelo menos, 99 civis e militares iraquianos.

Dizem ainda que não tiveram escolha, ou aderiam ao daesh ou morriam.

Fonte e fotos: TVI24

loading...


INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.